Estrias na gravidez



Dermatologista dá dicas de como evitar as marcas na pele da gestante

Durante a gravidez, a mulher passa por diversas mudanças físicas e psicológicas. Uma delas é o aparecimento de estrias, que surgem com maior ou menor incidência no corpo da gestante. As estrias são lesões também chamadas de atrofia tegumentar. Elas aparecem quando ocorre o rompimento das fibras elásticas e colágenas da pele, geralmente sendo resultado de um crescimento abrupto ou distensão excessiva. Existem três tipos de estrias: vermelhas ou arroxeadas, brancas mais superficiais e estreitas e brancas mais profundas e largas.

Segundo o assessor do Departamento de Cosmiatria Dermatológica da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), o dermatologista Adriano Loyola, as estrias na pele são comuns durante a gravidez, especialmente nas regiões do peito, barriga e coxas e consistem em pequenas "linhas" que aparecem na pele de cor rosada, que mais tarde tendem a ficar brancas.

“Essas linhas finas que aparecem são, na realidade, cicatrizes que se formam quando a pele estira de forma rápida num curto espaço de tempo, devido ao crescimento da barriga e mamas e devido ao crescimento do bebê. Assim, quanto maior o ganho de peso na gravidez, maior o estiramento da pele e, consequentemente, maior a propensão a estrias”, explica.

Conforma Loyola, o aparecimento de estrias na gestação está condicionado a fatores genéticos, ganho de peso, alimentação e atividade física. “Normalmente as estrias são mais comuns na primeira gravidez de mulheres de até 25 anos, pois as fibras de colágeno mais jovens são menos elásticas, e podem romper-se facilmente com a distensão da pele”, pontua.

Prevenção

De acordo com o dermatologista, hidratantes podem ajudar na prevenção de estrias, principalmente cremes ricos em óleos (amêndoas, semente de uva, girassol), ácido hialurônico e cerâmicas. Além disso, ele destaca os hidrantes funcionais, que são desenvolvidos com nanotecnologia associada a ativos que tratam também o envelhecimento da pele. “Essa tecnologia faz aumentar a absorção dos ativos e promover um alto poder de hidratação”, frisa.

Confira algumas dicas:

- Manter seu peso ideal é a primeira ordem. Uma dieta balanceada também ajuda com adição de nutrientes, como a vitamina C, que é um importante antioxidante e ajuda na formação das proteínas da pele;

- Evitar o sedentarismo, ingerir água regularmente também são medidas fundamentais. Existem também os cremes hidratantes e óleos que fornecem vitaminas e podem ser usados;

- As mulheres grávidas podem usar os cremes desde o início da gestação, devendo-se evitar os cremes com alta concentração de ureia— especialmente nas regiões dos seios, da barriga e das coxas;

- Massagens também ajudam a melhorar a elasticidade da pele, porque ativam a circulação sanguínea do local massageado.

- É importante também prestar atenção nas vestimentas. Roupas íntimas que segurem bem a barriga e os seios reduzem a chance do aparecimento de estrias, ao mesmo tempo em que o restante das roupas pode ser mais largo e de algodão, evitando apertar o corpo e prejudicar a circulação.

COMO TRATAR

De acordo com o dermatologista Adriano Loyola, as estrias vermelhas ou arroxeadas são as mais fáceis de tratar, pois são recentes – a cor indica que o tecido não foi totalmente prejudicado e há sangue circulando no local. Com o passar do tempo, as linhas vão perdendo gradualmente a tonalidade até se tornarem esbranquiçadas.

“Nessa fase, o tratamento, para dar bons resultados, precisa ser mais intenso e provocar uma agressão na pele para que ela reaja produzindo mais colágeno e elastina, que farão a cicatrização interna das estrias. Por outro lado, quando essas estrias também são largas e profundas, há necessidade de métodos mais invasivos para estimular o preenchimento dessas linhas de dentro para fora”, diz.

Ele destaca, no entanto, que o estímulo de colágeno depende muito de fatores genéticos, hormonais, idade da paciente, alimentação e atividade física.

Texto e entrevista Bruna Mattana, Jornalista graduada pela Universidade do Vale do Rios dos Sinos.

Especialmente para Twoone Onetwo Eco.Cosmetics

Recomendação

O Balm Corporal de Murumuru da Twoone Onetwo é um aliado na gravidez. É natural e vegano. Aquele produto coringa que ajuda na elasticidade da pele, tem uma textura de bálsamo, um creme com alta espalhabilidade que ajuda muito nas massagens. Ele tem Acquabio na composição, um ativo biológico que restaura a hidratação natural na pele em 24 horas, além de Manteiga de Murumuru, que é super hidratante, é rico em óleos de semente de girassol, milho, gergelim, macadâmia, oliva, óleo essencial de Gerânio.

​​SMLXL

32 views

Fábrica

Rua Dr. João Daniel Hillebrand, 2112

Novo Hamburgo/RS

revenda@twooneonetwo.com.br

Tel: (51) 3253-4990

©2018 by Twoone Onetwo Eco.Cosmetics